fbpx

Supermercado delivery e personalização do consumo: qual a relação?

Tempo de leitura estimado: 5 minutos

A pandemia e a necessidade de isolamento trouxeram vários reflexos para a economia e também para o comportamento das pessoas. Um deles, sem dúvida, foi o aumento da digitalização. Trabalho e ensino remotos se tornaram comuns, assim como os serviços de entrega. Restaurante, feira e até supermercado delivery conquistaram a preferência dos consumidores. 

Tanto que, mesmo com a flexibilização das regras de restrição à circulação, muitas pessoas, que experimentaram a comodidade de receber os produtos em casa, continuam recorrendo às compras on-line e entrega por serviços de delivery. Isso abre um verdadeiro leque de oportunidades para que o varejo personalize o atendimento, proporcionando melhores experiências aos clientes. 

Quer entender melhor como o delivery e a customização do atendimento se relacionam? Então, continue a leitura de nosso post!

Delivery se consolidou e conquistou o consumidor

De acordo com o relatório “O futuro do consumo num cenário pós-covid-19”, elaborado pela Social Miner e a Opinion Box em 2020, 10,9% dos consumidores já pretendiam, na época, passar a comprar somente nos canais on-line, enquanto 62,7% afirmavam que iriam mesclar suas compras em lojas físicas e e-commerces. 

A tendência se confirmou. Apesar do avanço da vacinação e da reabertura dos pontos de venda físicos, muitos consumidores ainda mantiveram a preferência pelos serviços de delivery – seja para evitar aglomerações, seja pela comodidade.

No caso específico dos supermercados, várias redes desenvolveram suas próprias plataformas de e-commerce e fizeram parcerias logísticas, com empresas como iFood Mercado, Rappi e Cornershop by Uber. Em 2021, as compras on-line em supermercados cresceram 33,9%.

“Antes da pandemia, eram poucos os supermercados que vendiam em canais diferentes do tradicional, da loja física. Agora, ficou evidente para o setor que a presença digital é fundamental para conquistar clientes e vender mais”, disse o coordenador do Departamento de Economia e Pesquisa da Associação Paulista de Supermercados (APAS), Diego Pereira, ao InfoMoney.

Supermercado delivery e tendências de consumo: descubra como encantar o seu cliente


A mudança de hábitos do consumidor trouxe novas oportunidades para as empresas que vendem on-line. A mais importante delas é a possibilidade de personalizar o atendimento ao cliente, a partir de dados coletados no ambiente virtual.

Por meio de algoritmos específicos, construídos com base em perfis e compras anteriores, sistemas de inteligência artificial conseguem prever as necessidades de cada cliente e fazer ofertas personalizadas. A lógica é a mesma dos serviços de streaming: quem nunca se surpreendeu com as sugestões de filmes da Netflix, baseadas em escolhas passadas?

Claro que tais dados precisam ser utilizados de forma anonimizada, respeitando a privacidade dos clientes. Isso está previsto na Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e as infrações estão sujeitas a penas bastante severas. Mas, por meio de um sistema inteligente, é possível que as empresas utilizem os dados, respeitando a privacidade. 

Confira algumas das possibilidades criadas pela gestão de dados – que fazem toda a diferença para o seu negócio. 

1. Ofertas customizadas

Os algoritmos permitem que os dados de compras anteriores indiquem preferências de cada consumidor – de forma anonimizada, sem infringir a LGPD. Assim, é possível enviar promoções segmentadas a cada perfil de cliente. 

Por exemplo, para aqueles que compram café de uma determinada marca, o sistema pode enviar promoções no formato “combo” (compre mais caixas para ter um desconto, ou ganhe um par de xícaras comprando uma quantidade maior de embalagens). 

Para quem faz compras de hortifruti, vale enviar notificações informando a chegada de itens frescos ou diferentes – orgânicos, importados, produtos sazonais, entre outros. 

Claro que tais mensagens devem ser encaminhadas por meio de notificações de aplicativo, as quais serão autorizadas pelo consumidor ao baixar o app. 

2. Promoções personalizadas

Você tem um cliente que costuma comprar vinhos em seu supermercado? Que tal enviar um convite para uma experiência de degustação e harmonização com outros produtos? Ou, no caso de outros ingredientes, proporcionar uma rápida aula de culinária, ensinando algum tipo de preparo?

Tais ações promocionais, muito mais do que impulsionar as vendas dos itens, contribuem para a melhoria da experiência do consumidor em seu negócio, fortalecendo a imagem da sua empresa. Uma ideia para fazer isso é utilizar notificações push, que funcionam dentro do seu aplicativo e ajudam o engajamento do cliente. 

Além de informar sobre as promoções e direcionar o cliente para os itens que sua loja quer promover, as notificações despertam a curiosidade, fazendo com que a pessoa abra o aplicativo. E isso é super importante para o negócio — uma pesquisa da Mercadapp mostrou que uma em cada 13 pessoas que acessam o app efetivamente concluem a compra. 

supermercado delivery como usar a tecnologia

3. Controle de estoques

A análise de dados também é uma ferramenta imprescindível para melhorar a gestão de estoques. Com as informações sobre entrada e saída de produtos, é possível antecipar compras, negociar melhores preços com os fornecedores e, não menos importante, evitar a quebra de estoque. 

Lembre-se, se um cliente quiser comprar um determinado item e não encontrar em sua loja, certamente irá buscar em outro local. Por isso, saber o que as pessoas de determinada região ou bairro consomem faz toda a diferença na tomada de decisões.

4. Concessão de crédito

Seu cliente quer parcelar a compra, mas você não sabe se ele é um bom pagador? O histórico de compras anteriores (e os respectivos pagamentos) é uma forma de avaliar isso.

A tecnologia permite, inclusive, avaliar os meios de pagamento utilizados, o ticket médio em cada compra e o histórico de adimplência de cada consumidor.

5. Identificação de tendências

De repente, um determinado produto que apareceu em um programa televisivo passa a ter uma enorme procura. Ou uma tendência – como a busca por alimentos mais saudáveis, congelados, itens direcionados a algum tipo de dieta ou restrição alimentar, entre outros – começa a se sobressair. 

A análise de dados é capaz de identificar isso com maior precisão do que o olhar humano, simplificando a decisão sobre criar ou priorizar novas linhas de produtos e, assim, encantar o cliente, que certamente vai se identificar com a sua loja e criar vínculos mais duradouros. 

Decisões baseadas em dados são diferenciais para o sucesso

Como é possível perceber, o registro e análise das informações faz toda a diferença para as estratégias da empresa. Os dados coletados por sistemas automatizados e aplicativos são determinantes para as decisões do negócio – no entanto, é importante entender que qualquer sistema de inteligência artificial precisa de um controle, ou olhar humano, para funcionar.


Isso porque, muitas vezes, o algoritmo pode induzir a erro ou criar determinadas interpretações equivocadas. Existem vários casos já registrados que relatam situações de aprendizado de máquina (machine learning) com viés discriminatório. Por isso, qualquer sistema precisa ter um controle atento. 


Para empresas de varejo, nada melhor que contratar um serviço que já ofereça essa expertise. O Mercadapp é uma solução da Linx, empresa especialista em tecnologia para o varejo, que possibilita que os supermercados, independentemente de seu porte, criem seus próprios e-commerces, integrando a loja física com outros canais e tornando-se verdadeiramente omnichannels.


O uso da inteligência de dados é uma ferramenta essencial para garantir o sucesso do seu supermercado delivery. Com a customização, seu negócio garante que os clientes tenham a melhor experiência de compra, o que contribui para o aumento da confiança e fidelização.

Gostou das dicas? Então, continue a visita em nossa página e fique por dentro de todas as tendências do varejo!

Categorias
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp